Grupo plantação
Terras Grupo
Equipe Grupo
Lingote Grupo

Notícias

30/09/2019 - Compras das montadoras devem crescer nos próximos dois anos

Lançamentos, nacionalização e mercado interno ascendente impulsionaram negócios

A notícia é boa para os fornecedores da cadeia automotiva: três das maiores montadoras instaladas no Brasil têm como certo que gastarão mais em compras de autopeças, partes e serviços em 2019 e, pelo menos, nos próximos dois anos, uma tendência que deve ser confirmada por outras empresas.

Em painel durante o Workshop Planejamento Automotivo, realizado por Automotive Business na segunda-feira, 19, em São Paulo, Luis Santamaria, diretor de compras da FCA na América Latina, Celso Simomura, vice-presidente de compras da Toyota, e David Padrão, gerente de compras da Volkswagen, justificaram o bolso mais generoso nesse período: é preciso dar conta dos diversos lançamentos de veículos, do crescimento da produção em 2019 e também de projetado novo avanço dos negócios em 2020.

A FCA, por exemplo, já tem certo que desembolsará cerca de R$ 17 bilhões na América Latina em 2019, perto de 16% a mais do que no ano passado. Santamaria vê oportunidades inclusive de aumentar o índice de conteúdo local em especial nos veículos que a empresa produz em Goiana (PE), hoje da ordem de 60%, bem abaixo dos 95% alcançados nos modelos originários da planta de Betim (MG).

Já Simomura, sem revelar quanto nem qual a variação, afirma que as compras da empresa “crescerão bastante” este ano por conta do início de produção da nova geração do Corolla, que será apresentada no início do mês que vem.

O sedã médio mais vendido do mercado brasileiro e o principal produto da montadora aqui incorporará vários recursos de assistência à condução, teve seus motores nacionalizados e será o primeiro carro híbrido nacional. “É um lançamento que deve impactar os valores de compras também em 2020”, admite o executivo.

A Toyota, que na média de seus três modelos fabricados nas fábricas paulistas de Indaiatuba e Sorocaba contabiliza 70% de conteúdo local, reconhece que terá alguma dificuldade de aumentar o conteúdo local no novo Corolla. O principal entrave, naturalmente, está na parte híbrida do powertrain. “Precisaremos de muito volume para nacionalizar alguns componentes”, diz o vice-presidente de compra.

Fonte: Auto Indústria

Notícias

Banco de Talentos

Trabalhe conosco. Cadastre seu currículo e mantenha-o sempre atualizado!

Recuperar senha

Como Funciona | Quero me cadastrar!

Cotação do Dólar

Compra Venda
Dólar Comercial (em R$) 4.1927 4.1934
Dólar Turismo (em R$) 4.0200 4.3500
 
Fonte: UOL Economia

Links Úteis

Acompanhe as notícias do setor, no Brasil e no mundo.

Onde Estamos

Rua Pequi, 189 - Santos Dumont
Pará de Minas | MG | Brasil
CEP: 35660-308<

Telefone: +55 (37) 3232-0800
Fax: +55 (37) 3232-0801


© Copyright - 2019 - Grupo Alterosa - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Agência Treis